Dama da Noite

( Nasi / Johnny Boy )

 

Perfuma a lua
Ela nasce do nada
E não é minha nem sua
É noiva da madrugada
Que a transforma em mulher
De um sorriso vulgar
Só da pra quem quer
Escolhe a hora e o lugar

De quem é a dama?
De quem é a dama?
De quem é a dama?
Da noite é a dama da noite

Tem mil nomes de guerra
Cada noite um tal
E um belo par de pernas
Não existe outro igual
É as vezes menina
Quando quer é fatal
Mas no que nasce o dia
Se foi sem deixar sinal

De quem é a dama?
De quem é a dama?
De quem é a dama?
Da noite é a dama da noite