O Tempo

( Nasi / Gaspa )

 

Estou parado contra o vento
Não sei se é tarde ou se é cedo
O tempo é uma ilusão

Já morei em tantas casas
Já morri em tantas datas
O tempo é uma ilusão

Vai devagar, devagar, devagar
Devagando nos domínios desse deserto

O que sou ao que eu penso
Tudo põe no esquecimento
O tempo

Vai devagar, devagar, devagar
Devagando nesse deserto