Mulheres à Frente da Tropa

Compartilhe:

(Edgard Scandurra)

Ouçam os gritos das ruas
Peito à mostra, vozes agudas
Ouçam as bombas que caem no solo
Tremem os corpos das crianças de colo

Mulheres à frente da tropa
Mulheres à frente da tropa

Jovens mulheres adolescentes
Lutam por todos, até os descrentes
Imóveis ficamos, sem reação
Somente nos restam os calos nas mãos

Mulheres à frente da tropa
Mulheres à frente da tropa

Elas não temem o covarde opressor
Elas não fogem do perigo da dor
Pontas de lança da revolução
Dedico à vocês essa canção

Mulheres à frente da tropa
Mulheres à frente da tropa
Mulheres à frente da tropa
Mulheres à frente da tropa

Ouçam os gritos das ruas